Tudo o Que Precisa Saber Sobre Empréstimo Sem Consulta

A busca de empréstimo sem consulta está aumentando gradativamente. Isso porque a falta de dinheiro não é novidade para ninguém e atinge as mais diversas classes sociais. Com uma economia instável, onde o preço do dólar define diversas taxas econômicas, a Bolsa de Valores pode se alterar a qualquer momento e as contas a pagar continuam com os mesmos valores (ou aumentam), o empréstimo pessoal sem consulta ganha espaço no mercado.

O que pode ser uma opção rápida e bastante viável para quem possui alguma restrição transforma-se em um grande problema caso o contratante não tome alguns cuidados necessários.

Para evitar que você caia em algum golpe e saia do empréstimo sem consulta mais endividado do que entrou, vamos conhecer como funciona um empréstimo pessoal sem consulta e quais os devidos cuidados para quem deseja contratar esse crédito.

O que é e como funciona o empréstimo sem consulta

O empréstimo pessoal sem consulta funciona como um empréstimo normal, mas sem que a análise de crédito do contratante seja feita antes da liberação.

As pessoas que buscam este tipo de crédito são pessoas que possuem restrições no SPC, Serasa ou em outros lugares, que as impossibilitam de realizar empréstimos convencionais, já que nestes é preciso estar com o “nome limpo”.

Em um empréstimo convencional você deve solicitar informações de renda, referências comerciais e muitos outros documentos a fim de que estipulem um limite de crédito que considerem viável para que você possa pagar as parcelas em dia. Em um empréstimo pessoal sem consulta, não há esta análise de limite de crédito, nem mesmo renda ou referências, por isso o próprio nome já diz ser “sem consulta”. Porém, na maioria dos casos, há valores pré-determinados para este tipo de empréstimo.

Quem for fazer um empréstimo sem consulta deve estar ciente das altas taxas de juros, muito mais elevadas que nos empréstimos convencionais, pois o contratante deste tipo de empréstimo é classificado como um cliente de alto risco, que pode vir a não pagar em dia suas dívidas.

Alguns documentos solicitados para fazer um empréstimo sem consulta são comprovantes de residência, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e carteira de identidade. Em alguns casos pede-se um comprovante de renda, sendo que apenas um contracheque já vale.

Como a situação de fazer um empréstimo sem consulta requer muita cautela, principalmente devido às grandes taxas de juros, é essencial que se tomem algumas dicas e cuidados antes de contratar este tipo de crédito.

Dicas e cuidados de emprestimos sem consulta

Às vezes, quando estamos passando por uma situação complicada, como é a falta de dinheiro, e queremos resolvê-la de qualquer jeito, não tomamos os devidos cuidados ao contratar empréstimos sem consulta. Isso é um grande erro cometido por diversas pessoas que se esquecem de tomar as devidas precauções neste momento.

Infelizmente muitas empresas se aproveitam da situação de outras pessoas junto das facilidades da internet para prometer empréstimos sem consulta que na verdade são verdadeiros golpes.

Para evitar maiores problemas, juros exorbitantes ou até mesmo muita perda de dinheiro, vale a pena ficar atento com algumas dicas no momento de fazer empréstimos pessoais sem consulta:

Cuidado com os anúncios

Ao ler anúncios sobre empréstimos pessoais sem consulta na internet, tenha sempre uma cautela redobrada. Leia e releia o assunto diversas vezes para evitar que nenhum detalhe passe despercebido.

Para sites de classificados, a atenção deve ser redobrada, pois não é possível conhecer a reputação de quem postou aquele anúncio. Procure fugir destes anúncios!

Analise a reputação do site

Existem diversas financeiras que oferecem opções de empréstimos sem consulta, mas muitas delas não são totalmente idôneas. Desta forma, é importante prestar muita atenção em toda a estrutura do site antes de fornecer qualquer informação.

Algumas perguntas que podem ser feitas neste momento são:

  • O site possui um bom layout e estrutura?
  • Como é feita a apresentação da empresa no menu “Quem somos”?
  • Há um número de telefone FIXO e endereço disponível e totalmente visível?
  • Existe CNPJ?
  • Quais bancos a financeira diz representar?

Após estas respostas já é possível eliminar esta alternativa caso a empresa não possua telefone fixo (telefones móveis como Livre e Vésper não contam) e trabalhe somente com celulares ou caso não possua CNPJ.

Cuidado com falsos representantes

Um alerta importante sobre as financeiras que disponibilizam somente números de celulares é que a pessoa diz ser um representante, mas na verdade não é. Ainda costumam enviar e-mails através de provedores como Hotmail, Gmail e Yahoo. Quem trabalha para um banco terá ao menos um e-mail personalizado, então vale ficar atento.

Uma boa forma de tirar a dúvida é informar-se no banco que a pessoa diz ser representante. Se nunca ouviram falar dela, é golpe!

Seja cauteloso ao fornecer informações pessoais

Cuidado com os documentos e informações pessoais que irá fornecer ao banco para fazer o empréstimo. Somente os forneça caso esteja claro que a instituição financeira é confiável.

Evite ao máximo passar estas informações por fax ou e-mail e só o faça caso tenha garantia total da idoneidade da mesma. Na dúvida, prefira entregá-la pessoalmente após já ter pesquisado sobre o banco.

Conheça o local e busque informações

Se for uma empresa de empréstimos, seja um banco ou financeira que o representa, deverá possuir um endereço fixo para atender aos clientes que desejam contratar empréstimos.

Quando digo endereço fixo, não estou dizendo que basta ter uma portinha com uma mesa e um computador, mas sim uma estrutura completa para dar suporte e passar confiança aos clientes. Sendo assim, vá fazer uma visita ao banco ou financeira.

Antes de chegar lá, vale a pena perguntar aos vizinhos e pessoas da redondeza referências sobre a empresa para saber se é de confiança. Uma busca na internet também poderá ajudá-lo a ver se algumas pessoas já postaram mensagens em fóruns ou sites de reclamação sobre a mesma.

O tempo que a empresa está no local também ajuda a conhecê-la melhor, pois se for uma mudança recente é bom ter uma cautela adicional já que poucas pessoas poderão dar informações concretas.

Nunca antecipe taxas de pagamento

Esta parte de nunca antecipar nenhum tipo de taxa de pagamento deveria ser quase óbvia já que quem está precisando de um empréstimo pessoal sem consulta não possui dinheiro nenhum, muito menos para pagar taxas. Agora já imaginou ter que pagar alguma coisa antes mesmo de receber o seu dinheiro do empréstimo?

Basta parar para pensar um pouco e ver que não há um sentido lógico para este tipo de cobrança. Assim, questione sempre qualquer taxa de pagamento que deva ser feita antes de receber o dinheiro do seu empréstimo sem consulta.

Fique atento as taxas de juros

Como já dito anteriormente, os empréstimos pessoais sem consulta possuem taxas de juros mais elevadas que os empréstimos convencionais, porém é preciso fazer uma pesquisa e ter uma noção em relação à média de taxa cobrada nestes empréstimos sem consultas para não cair em golpes e pagar juros exorbitantes e inexistentes.

Pesquise vários emprestimos pessoais sem consulta

Não vá querer contratar um empréstimo sem consulta na primeira financeira que conhecer. Procure fazer uma pesquisa detalhada de todas as opções disponíveis em sua cidade e compare as condições e taxas para que consiga achar aquela mais favorável para a sua situação.

Espero que as dicas tenham ajudado você a entender mais sobre o empréstimo pessoal sem consulta. É uma boa opção para quem possui alguma restrição antiga e está precisando de um dinheiro extra, mas deve ser algo feito de forma consciente através de uma instituição financeira (banco) séria.

Se antes de realizar o seu empréstimo pessoal sem consulta você seguir nossas dicas e ficar sempre atento as informações (neste caso informações nunca são demais), com certeza conseguirá aproveitar as vantagens de um empréstimo sem consulta e terá um bom dinheiro em mãos!

About Finanças Pessoais
Aqui vai encontrar as melhores informações sobre Finanças Pessoais. Aprenda a poupar, a ganhar, a investir, a viajar e muito mais...

Leave a comment

Your email address will not be published.

*