Depósitos a Prazo e Certificados de Aforro

É possível aprender como investir sem ter de correr muitos riscos, com depósitos a prazo e certificados de aforro, mas também não é possível esperar grandes rendimentos deste tipo de investimentos.

Há vários produtos disponíveis nos mercados financeiros para todas aquelas pessoas que não querem (ou não podem) utilizar o seu rendimento para estar investido durante alguns anos.

Para quem está nesta situação, o melhor é ter o dinheiro sempre disponível, porque no caso de ocorrer um problema, poderá sempre levantar esse dinheiro. Obviamente que o melhor será ter um fundo de emergência, antes de começar a pensar em investimentos.

Produtos de Baixo Risco

Os depósitos a prazo são as aplicações financeiras tradicionais com menor risco para os seus depositantes, porque são de capital garantido. Além disso, não precisa de grandes quantias para poder subscrever um depósito em qualquer banco.

O problema destes produtos financeiros é que também não consegue superar em muito a taxa de inflação, o que significa que no final do investimento poderá ter apenas o dinheiro que tinha quando iniciou o depósito (contando com o efeito da inflação).

Em Portugal, existem outros produtos que têm capital garantido e que têm bastante liquidez, que são os certificados de aforro. Basta dirigir-se a uma agência dos CTT e informar-se melhor sobre as condições que estes proporcionam. Um dos benefícios é o da permanência, que é recompensado com taxas de juro superiores.

Existem também depósitos a prazo que têm taxas de juro crescentes, ao longo da duração do investimento, conseguindo taxas de juro mais interessantes no final do depósito. Em termos de taxas de juro, os depósitos a prazo são mais interessantes que os certificados de aforro.

Um dos problemas dos depósitos a prazo é a perda do juros por levantamento antecipado, o que torna os investimentos menos atractivos, se estiver a investir dinheiro que vai precisar daqui a poucos meses.

É possível aprender como investir com pouco risco, utilizando os depósitos a prazo ou os certificados de aforro, praticamente todos conseguem subscrever um destes produtos financeiros, ou até os dois, sendo investimentos interessantes para fazerem parte de uma carteira que contenha alguns investimentos mais arriscados.

About O Investidor

O Investidor explica como investir corretamente em vários ativos: Ações, Forex, Petróleo, Índices, Ouro

E para começar a investir já hoje, fizemos uma parceria com a PLUS500 para lhe oferecer 25€ gratuitamente!

Clique aqui para ganhar 25€ e começar a investir agora

Leave a comment

Your email address will not be published.

*