Investir na Bolsa Para Iniciados

Se está a pensar investir na bolsa mas não tem qualquer experiência, aqui ficam alguns conselhos para iniciar esta actividade que pode ser muito lucrativa, mas também o pode levar a perder muito dinheiro.

Aprender a investir na bolsa

A primeira coisa a fazer é ler sobre investimentos em acções. Se tiver a possibilidade, tire um curso ou assista a seminários. Deve começar a conhecer as variações diárias dos mercados. Os dias fortes e os dias fracos da bolsa, as acções que valorizaram mais e as que desvalorizaram mais e ler em sites financeiros especializados em acções. Existem dezenas na Internet.

Criar um plano para investir na bolsa

Planeie os objectivos financeiros que deseja atingir com o investimento que vai fazer. Qual o valor a partir do qual vai vender as acções quando estiver a ganhar dinheiro e também quando estiver a perder? É importante definir à partida o quanto está disposto a perder até vender, porque senão terá a tentação de não vender na esperança que voltem a subir e as quedas poderão ser muito maiores.

Deve também investir na bolsa em acções de negócios que conhece e acredite que vão ter bons resultados no futuro. Não invista em Tecnologias se conhece melhor o mercado da Construção Civil.

Conheça os investimentos dos fundos

Se um determinado fundo de investimento está a ter sucesso, analise quais as acções que o compõem e compre-as. Se o fundo está a rentabilizar-se, é natural que as suas acções subam de igual forma.

Investir na bolsa diversificando

Se tiver possibilidades financeiras, não compre apenas uma ou duas acções. Opte por várias e de preferência em mercados diferentes, para que a queda de um sector não o afecte completamente. Por exemplo, se investir em empresas financeiras, invista também em petrolíferas porque são mercados não relacionados directamente.

Investir na bolsa com menos custos

Os fundos de investimento e as operações em bolsa custam dinheiro, por isso quanto menos intermediários tiver, menos dinheiro gasta na gestão das suas acções. Quando já tiver confiança nas suas capacidades de investimento, utilize empresas on-line ou o seu banco para conseguir custos de transacções mais baixos.

Investir na bolsa a longo prazo

Apesar da necessidade de aprender a investir correctamente, não deverá andar sempre a comprar e vender. Invista com dinheiro que não pensa utilizar durante os próximos 4 ou 5 anos e resista à tentação de vender as acções assim que elas desçam abaixo do que as comprou. Espere, porque as estatísticas do passado mostram que investir em bolsa a longo prazo é quase sempre rentável. Saiba ainda quando investir na bolsa.

Algumas dicas para investir na bolsa

  • É preciso ainda conhecer a sua capacidade de aceitar o risco, porque investir na bolsa é muito inconstante no curto prazo. As suas acções podem subir muito rapidamente e também descer a pique em poucas sessões. Se gosta de segurança, então o mercado bolsista não será o mais indicado para si.
  • Se não tem tempo para acompanhar os seus investimentos, opte por comprar um fundo de investimento, que é gerido por um profissional.
  • Mentalize-se que o investimento em acções não o tornará rico em pouco tempo. É possível colher bons frutos a longo prazo, mas para ter sucesso a curto prazo é preciso arriscar demasiado e as coisas podem correr mal.
  • Se não tem muito dinheiro, veja como investir com pouco dinheiro.

Investir na bolsa a longo prazo será quase sempre um bom negócio, mas necessita de ter algum dinheiro que não necessite de usar durante os próximos anos. Conheça também como investem os especialistas.

Criar Objectivos Para os Investimentos

Para conseguirmos avaliar a nossa prestação enquanto investidores, devemos criar objectivos de curto, médio e longo prazo para a escolha dos títulos que vamos comprar para a nossa carteira de investimentos.

Aprender a Fazer Análises

Podemos aprender a fazer análises de acções individuais através da leitura de relatório anuais e outros documentos disponibilizados para o mercado. Isto, para quando estivermos num nível mais avançado.

No início é mais simples basear as nossas escolhas em análises feitas por profissionais dos mercados. A maior parte dos bancos e correctores fornece informações para os seus clientes, para que estes possam ganhar mais dinheiro nos seus investimentos.

Investir no que Conhecemos

O mais simples é investirmos em acções de mercados que conhecemos bem. Esta é uma das regras de Warren Buffet (um dos homens mais ricos do mundo), por isso é que ele não investe no sector tecnológico e prefere indústrias tradicionais nas quais tem maiores conhecimentos.

Se trabalha na indústria de tecnologias de informação, provavelmente conhece a existência de empresas que têm produtos ou serviços que podem vir a ser de sucesso no futuro. Dessa forma poderá investir nas acções dessas empresas e esperar que os seus palpites se revelem correctos.

Se tivesse comprado acções do Google ou Microsoft no início das suas existências, hoje seria milionário.

Diversificar os Investimentos

A menos que seja um especialista e já conheça muito bem os mercados, é sempre preferível diversificar os investimentos para cobrir o risco de flutuações em determinados títulos.

Além disso, devemos sempre investir com um prazo médio em mente. Devemos esperar, pelo menos, 3 anos para conseguir rentabilizar o nosso investimento inicial.

É possível aprender como investir na bolsa de valores e rentabilizarmos as nossas poupanças. Para aprender mais, veja como investir em acções.

Se quer aprender mais sobre investimentos na bolsa, veja como investir em acções e como investir com sucesso sem riscos.

About O Investidor

O Investidor explica como investir corretamente em vários ativos: Ações, Forex, Petróleo, Índices, Ouro

E para começar a investir já hoje, fizemos uma parceria com a PLUS500 para lhe oferecer 25€ gratuitamente!

Clique aqui para ganhar 25€ e começar a investir agora

Leave a comment

Your email address will not be published.

*