Desculpas inúteis para não poupar dinheiro

Toda a gente sabe que o truque para fazer fortuna é poupar dinheiro e investir. No entanto, este bom hábito é realizado por cada vez menos pessoas (basta ver as estatísticas do endividamento das famílias). Mas mesmo que não queira ficar rico, precisa de poupar para ter um fundo de emergência, para a educação dos seus filhos e para a sua reforma.

Quando se pergunta a alguém porque é que não consegue poupar, existem várias respostas, e embora haja casos em que não é realmente possível poupar nada, há na maioria das situações desculpas que não convencem.

Aqui ficam algumas das desculpas.

Começo a poupar dinheiro mais tarde

Um dos principais factores para ganhar dinheiro é o tempo. Só através do tempo é que consegue ganhar juros, que depois misturados com o milagre dos juros compostos farão com que os seus investimentos cresçam bastante. Por isso, quanto mais tarde começar a poupar, menos possibilidades tem de beneficiar do tempo do seu lado.

Além disso, quem não tem hoje disciplina para poupar dinheiro, não é mais tarde que o vai começar a fazer, porque os hábitos estarão cada vez mais enraizados.

Não ganho o suficiente

Esta desculpa é normalmente usada por quem não sabe para onde vai o dinheiro todos os meses. Não sabem se compraram apenas produtos que necessitavam realmente ou se comprar coisas que não precisavam para nada.

A primeira coisa a fazer é um orçamento. Com esta ferramenta de finanças pessoais conseguirá saber por onde andou a gastar o dinheiro nas últimas semanas. Desta forma pode aperceber-se que gasta, por exemplo, 20% dos seus rendimentos em jantares sociais.

A segunda coisa a fazer é retirar o dinheiro para poupar logo no início do mês, antes sequer de fazer o primeiro levantamento no multibanco. Desta forma, nunca mais irá faltar dinheiro para poupar, depois se chegar ao final do mês e não houver dinheiro terá de fazer opções sobre onde o gastar, e será forçado a decidir por aquilo que é importante e não por aquilo que acha que precisa.

Eu mereço alguns luxos

O facto de poupar dinheiro não significa que tenha de abdicar dos luxos, significa é que não vai substituir a poupança, pelos gastos em artigos ou serviços luxuosos.

Para resolver este problema, basta que abra várias contas de poupança, cada uma com o seu objectivo. Uma conta para a reforma, outra para férias, outra para restaurantes, etc. Assim poderá poupar dinheiro naquilo que quer gastar mais tarde. Por exemplo, se quer ir de férias no próximo ano, comece a colocar mais dinheiro nessa conta, depois diminua e passe a colocar noutro lado. Tudo é preferível a gastar o dinheiro de outras poupanças ou, ainda pior, a endividar-se.

Além disso, deverá mudar a sua mentalidade para começar a pensar no luxo que é não ter de pensar constantemente em formas de pagar dívidas. A qualidade de vida vem quando passa a ter liberdade para fazer o que gostaria, sem pôr em risco o seu futuro.

About Finanças Pessoais
Aqui vai encontrar as melhores informações sobre Finanças Pessoais. Aprenda a poupar, a ganhar, a investir, a viajar e muito mais...

Leave a comment

Your email address will not be published.

*