Diferença entre necessidades e desejos

As nossas necessidades para viver são bastante simples. Necessitamos de comida, roupa e abrigo, além da companhia das pessoas que gostamos. Após estas necessidades básicas todos temos desejos, e aqui começa o problema para a maioria das pessoas

Como não temos recursos infinitos, temos de fazer opções para aquilo que queremos comprar, e temos assistido a más escolhas por parte das famílias. Por exemplo, em vez de comprarem uma casa onde paguem uma mensalidade de 20 ou 30% do seu rendimento, endividam-se até aos 50 ou 60%, obviamente que quando alguma coisa corre mal (como agora a subida das taxas de juro) são logo afectadas.

O grande problema é que as pessoas têm desejos de manter níveis de vida para o qual não têm rendimentos suficientes, e o curioso é que depois não só não conseguem viver felizes com o que têm, como ficam até mais infelizes com as dores de cabeça para arranjarem dinheiro para pagar as dívidas.

Faça as suas escolhas com responsabilidade, não pense que vai tudo correr bem no futuro (porque não vai), deixe uma folga para quando as coisas correm mal.

Existem factores que não consegue controlar (taxas de juros, desemprego, subida do petróleo), mas as suas opções são influenciadas apenas por si. Não confunda desejos com necessidades.

Não ignore a realidade dos recursos limitados em relação ao dinheiro, e principalmente não tente disfarçar essa realidade usando cartões de crédito ou créditos pessoais para manter o nível de vida que acha que deve ter.

Esta é a principal mensagem do PouparDinheiro. Opte por uma vida simples, que consiga suportar financeiramente e ainda dê para poupar e investir e que lhe permita ter liberdade de escolha no futuro, para si e para a sua família.

Controle os seus desejos e satisfaça as suas necessidades.

About Finanças Pessoais
Aqui vai encontrar as melhores informações sobre Finanças Pessoais. Aprenda a poupar, a ganhar, a investir, a viajar e muito mais...

Leave a comment

Your email address will not be published.

*