Como fazer um orçamento familiar

Aqui fica um exemplo de uma tabela para calcular o seu orçamento familiar, poderá imprimir ou descarregar e trabalhar em Excel. Só tem de preencher a coluna “Orçamentado Mensalmente” com o que planeia gastar ou ganhar, e depois coloque no “Gasto Mensalmente” o valor real no final de cada mês, e poderá depois ver a diferença.

Um orçamento familiar ajuda-o a planear o dinheiro que vai ter disponível, e previne que chegue a meio do mês e veja que já não tem mais dinheiro para gastar. É uma ferramenta bastante útil e bastante simples de utilizar. Não perde mais do que 1 hora por mês a fazer estes cálculos.

Categoria do Orçamento Familiar

Orçamentado Mensalmente

Gasto Mensalmente

Diferença

RECEITAS
Salários e Bónus
Juros
Receitas de Investimentos
Outras Receitas
Subtotal de Receitas
IMPOSTOS
Impostos Governamentais
Impostos de Segurança Social
Outros Impostos
Subtotal de Impostos
Dinheiro disponivel para gastar
DESPESAS
Casa:
Renda ou Amortização
Impostos prediais
Reparações e Manutenções
Melhoramentos
Energia e Utilitários:
Electricidade
Água
Gás
Telefones (fixo e móvel)
Comida:
Alimentação de mercearia
Alimentação fora de casa
Despesas Familiares:
Infantários, Escolas
Saúde:
Seguros de Saúde
Desporto (Yoga, Ginásios, …)
Transportes:
Amortizações do carro
Combustível
Reparações
Seguro automóvel
Outros transportes (táxi, metro, …)
Empréstimos:
Cartão de Crédito
Créditos Pessoais
Outros Créditos
Diversão:
TV / DVD
Computador
Hobbies
Subscrições de Serviços
Férias
Animais de Estimação:
Comida
Manutenção, Alimentação
Roupa:
INVESTIMENTOS
Acções, Fundos, …
Poupanças
Fundo de Emergência
OUTROS
Despesas de Beleza
Prendas e Doações
Outras Despesas
Total de Investimentos e Despesas
FINAL (Subtotal de Receitas – Total de Investimentos e Despesas)

Para as despesas do orçamento familiar que não são mensais, como o seguro do carro, converta-as em valores mensais. Por exemplo, se paga 600€ por ano, coloque 50€ mensais. Isto vai-lhe dar uma ideia de quanto precisa poupar mensalmente para conseguir pagar esta despesa. O dinheiro para estas despesas deve estar numa conta separada, para que quando chegue a despesa, exista o dinheiro necessário para a pagar.

Alternativas Para Orçamentos Domésticos

Se é daquelas pessoas que detestam fazer orçamentos domésticos e mesmo assim que poupar dinheiro todos os meses, aqui ficam algumas estratégias para o ajudar.

Veja também a estratégia do porquinho mealheiro para gastar dinheiro.

Estas estratégias são piores do que fazer um orçamento pessoal, mas são muito melhores do que fazer nada.

Fim-De-Semana Dos Orçamentos

Para utilizar esta estratégia precisa de um fim-de-semana intenso, no entanto é tudo o que precisa.

Junte todos os movimentos do último trimestre de todas as suas contas bancárias, incluindo cartões de crédito.

Depois faça uma lista de todas as despesas fixas e os seus valores mensais.

Depois de ter todos estes dados anotados, é preciso fazer a parte complicada. Decidir um ou dois itens grandes para cortar nas suas despesas. É uma decisão difícil, mas precisa de considerar as vantagens que vai obter no final.

Por exemplo, se tem dois carros e não os utiliza frequentemente, poderá compensar vendê-lo, com os respectivos benefícios:

  • Menos combustível
  • Menos seguro automóvel
  • Menos custos na manutenção

Se fizer um grande sacrifício anualmente, não irá necessitar de fazer mais orçamentos domésticos durante os próximos meses. Apenas quando vir que as suas finanças pessoas estão outra vez a entrar em zona perigosa, deverá voltar a fazer um fim-de-semana de corte de despesas.

Só ficará aborrecido por fazer isto uma vez por ano.

Contrato Com Outra Pessoa

Esta estratégia é a mais imaginativa e passa por escolher uma pessoa da sua confiança pessoal, para poder ser o árbitro que vai julgar todos os seus movimentos financeiros.

Existem até sites, como é o caso do Stickk.com, que permite ter punições financeiras por cada vez que falhar com as suas promessas. Pode dar dinheiro para caridade, para um amigo, para o árbitro, para o seu clube de futebol, etc.

Defina os objectivos, faça um planeamento das reuniões para avaliar o seu progresso, defina as punições financeiras.

Muitas pessoas não têm a proactividade necessária para conseguirem decidir e planear que vão deixar de gastar dinheiro e colocar esse plano em prática. Da mesma forma que não conseguiriam acabar um projecto se não existisse um chefe a pressionar no emprego. Além disso, o custo de falhar é bastante mais elevado do que o custo do sucesso. Existe ainda o factor social, de reconhecimento do falhanço.

Esta estratégia é a mais radical, mas se já tentou todas as outras e não conseguir gastar menos dinheiro, deverá então colocar testar esta também.

Ferramenta Gratuita Para Fazer o Orçamento em Português

A Comissão Europeia apoia um site da organização DOLCETA (Development of On Line Consumer Education Tools) com algumas ferramentas úteis aos cidadãos europeus. Uma dessas ferramentas interessantes é uma calculador online que permite construir um orçamento com base em algumas categorias pré-definidas. Pode depois guardar os dados e recuperar mais tarde.

O Orçamento Familiar é a Derradeira Ferramenta de Gestão Em Casa

Um construtor usa um conjunto de plantas da casa para construir uma casa. Se ele não o fizesse, a casa de banho podia ser completamente esquecida.

Os cientistas nunca começam a construção de um novo foguetão, sem um detalhado conjunto de especificações do projecto.

No entanto, a maioria de nós vai às cegas para o mundo, sem um vislumbre de uma ideia sobre finanças e sem qualquer plano.

Não é muito inteligente da nossa parte, não?

Um plano para a gestão do dinheiro chama-se um orçamento e é crucial para chegarmos aos nossos objectivos financeiros desejados.

Sem um plano ficará à deriva, sem rumo e acaba abandonado num recife financeiro distante.

Se tem um cônjuge ou um parceiro, devem fazer o orçamento juntos. Sentem-se e descubram os objectivos comuns… a longo e curto prazo.

Em seguida, planeie o caminho para chegar a essas metas. Toda a jornada começa com um passo e o primeiro passo para atingir seus objectivos é fazer um orçamento realista, com que ambos podem conviver.

Um orçamento não deve ser uma dieta financeira. Isso não vai funcionar a longo curso. Faça repartições razoáveis para a alimentação, vestuário, habitação, seguros e reserve uma quantidade razoável para entretenimento e luxo ocasional. Poupança deve sempre vir antes de qualquer despesa.

Mesmo uma pequena quantidade poupada vai ajudar a atingir o seu objectivo financeiro de longo e curto prazo. Você encontrará muitas formas de fazer um orçamento na internet. Basta usar qualquer motor de busca e digitar “como fazer um orçamento familiar”.

Você terá muitos resultados. Imprima um e trabalhe com o seu cônjuge ou parceiro. Ambos precisam estar felizes com o resultado final e sentir que é algo que conseguem manter no futuro.

Crie um Orçamento e Reduza as Suas Dívidas

Estabelecer um orçamento é algo que muitas pessoas têm dificuldade.

Ao fazer um orçamento pode ajudá-lo a reduzir as suas dívidas.

As pessoas, não possuem uma educação financeira, para estabelecer um orçamento equilibrado entre receitas e despesas. Mas o sucesso financeiro implica que se faça um orçamento mensal ou semanal, onde anote todos os seus rendimentos e todas as despesas e dívidas.

Desde que esteja disposto a fazê-lo este é melhor caminho para resolver os seus problemas.

  • Saber administrar o dinheiro corretamente

Implica que o seu orçamento mencione todas as receitas e despesas. Poderá assim verificar qual o valor que resta para liquidar as dividas.

Poderá dessa forma desfrutar de uma vida mais tranquila e evitar contrair mais dívidas para liquidar os encargos que já tem.

  • O seu orçamento deve permitir que possa sobreviver todo o mês

Não apenas uma parte do mês, mais importante ainda, você pode conseguir amealhar um pouco de dinheiro extra cada mês. Seria, ou não algo de fabuloso?

Você sabe o que quer, está cansado de pensar nos seus débitos, portanto pare de se lamentar, tente anotar todos os seus débitos em vez de se esquecer deles.

  • Deixe que o seu orçamento trabalhe para si

Mesmo que possam surgir problemas inesperados. Um orçamento pessoal irá permitir que ao mesmo tempo que paga as suas despesas e começa a eliminar as suas dívidas ainda consiga colocar um pouco de dinheiro de parte.

Se o fizer mês após mês isso irá dar-lhe confiança, responsabilidade, maturidade e permitir olhar os resultados do seu trabalho com orgulho.

  • Resista à tentação de num mês gastar mais do que pode.

O seu orçamento permite visualizar de forma clara os gastos em excesso e ter um controle adequado da sua situação financeira. È uma tarefa que exige disciplina e paciência.

Gaste algum do seu tempo com este assunto, ainda que a sua agenda possa estar cheia de compromissos de trabalho. Irá valer a pena, porque ficará surpreendido como tudo agora está controlado, quando no passado andava um pouco à deriva.

  • A dívida é o seu pior inimigo.

Mesmo que não tenha tido uma educação financeira aproveite esta situação para explicar aos mais jovens (filhos) a relação correta a ter com o dinheiro.

Aprenda o Máximo Possível Sobre o Orçamento Familiar

Existe um excelente livro sobre finanças pessoais, que explica de forma ainda mais detalhada como fazer um orçamento pessoal e a sua importância para aprender a investir o seu dinheiro.

About Finanças Pessoais
Aqui vai encontrar as melhores informações sobre Finanças Pessoais. Aprenda a poupar, a ganhar, a investir, a viajar e muito mais...

6 Comments on Como fazer um orçamento familiar

  1. Jorge Matosa // 18/06/2008 at 08:21 //

    Excelente!

  2. maristela // 07/01/2010 at 13:35 //

    Eu faço o controle de todos os gastos diariamente e no final do mês faço de todos;empresa e familiar.Vejo que estou gastando muito em supermercados;o dobro dos anos passados.Não estou conseguindo pagar as dividas referentes ao mês.Temos muitas dividas e meu marido apresenta problemas de saude.Se ele vier a faltar não sei como fazer.Talvez fazer um seguro de vida,como foi anteriormente sugerido por vocês.

  3. sandra correia // 13/01/2010 at 13:48 //

    tenho dificuldade em gerir o meu orçamento seu que gasto demasiado sou compulsiva nas compras.
    onde vejo dificuldade em ter prioridades.
    M/C

  4. Leniz // 23/07/2010 at 16:28 //

    A minha opinião é o seguinte faça como essa pessoa, conheço um pessoa que ficou rico essa é a unica que conheci até hoje que não tinha nada e hoje é riquissimo. Sabe o que ele fez , uzava a anotar tudo que ganhava e que gastava, em uma caderneta, em pouco tempo empresta dinheiro para pessoas que tinha mais que ele porem cobrava se juros com pouco tempo começou a comprar terras e até hoje não paraou mais (sabe qual a escolaridade dele estudou até a terceira série primário)

  5. estou precisando urgente fazer um planejamento familiar, porque na minha casa o mês é maior que o salário e também gasto muito com farmácia.

  6. marcos // 10/03/2011 at 03:00 //

    Eu ultilizo o Microsoft Money 99 português, ele é ótimo para soluções imediatas, mas muitas vezes tive que alterar o orçamento anual e não gostei disso. Por isso tento me educar financeiramente para enxergar meus erros e saber exatamente que atitudes tomar e não deixar que um programa faça tudo sozinho. E ja estou aprendendo muito. Excelente!

Leave a comment

Your email address will not be published.

*